Avançar para o conteúdo principal

Não prestar atenção suficiente aos detalhes


Quando apressa uma apresentação, passa por cima dos detalhes e ignora sinais importantes dos clientes, está também a passar por cima dos lucros significativos que poderia obter (por exemplo, o administrador da "minha" empresa, não se importa que eu esteja 1 hora ou mais com apenas um cliente a falar sobre como fazer/servir, porque esse cliente irá "compensar" com encomendas no presente/futuro. A experiência vai ajudar e se torna importante saber quando o tempo gasto é um investimento, ou quando é um desperdicio, mas isso requer experiência e não se consegue ensinar através do blog).

Encomendas perdidas ou fora das datas de entrega que não são cumpridas (e não se informa o cliente) arruínam a sua credibilidade junto dos clientes. Este tipo de atitudes mancha o elevado nível de competência que os profissionais se esforçam por demonstrar. Se os seus clientes não tiverem a impressão de que você faz mesmo o seu melhor por eles, tratarão de encontrar alguém que o faça.

Nunca, mas nunca se desculpe com os seus colegas do armazém ou da distribuição, pois existem vendedores inexperientes que o fazem, pensam que ficam bem vistos perante o cliente, porque "ele é mesmo bom, os colegas é que são incompetentes". É um erro enorme. A única, mas mesmo única imagem que transmite é que a sua empresa é incompetente, afastando o cliente, mais dia, menos dia.

Trabalhe sempre em equipa e lembre-se que todos são importantes e fundamentais, do colega que vende, ao que entrega, passando pelo que organiza e pelo que coordena. Uma empresa, são todos os colaboradores e todos devem se proteger e lutar pelo que são pagos, satisfazer as necessidades do cliente.

Como sempre, a estrela não é você, se procura fama, não seja vendedor.

Boas vendas...

Mensagens populares deste blogue

eBook - Mercator XXI - Teoria E Pratica Do Marketing

eBook - Mercator XXI - Teoria E Prática Do Marketing  Obra de referência para profissionais e estudantes. Os temas são realmente aplicados à realidade empresarial. Uma obra quase que obrigatória a todos os que querem aprender ou evoluir no seu trabalho ou nos estudos. Download online e pago em PDF ou TXT, em: http://pt.scribd.com/doc/95494881/livro-mercator#scribd Também lhe pode interessar Download gratuito - Livro em PDF - Clique Aqui Quase 40 anos depois, na 12a edição, ele continua a surtir o mesmo efeito - tópicos como marketing holístico, brand equity e marketing experimental prometem fazer com que as pessoas invistam em uma perspectiva mais ampla e integrada do marketing.  É exatamente essa capacidade de antecipar tendências que faz de Administração de marketing o livro de referência da área em todo o mundo. De fato, ao conseguir se manter sempre atualizado, acompanhando as mudanças no mercado e adaptando-se a elas, esta obra exerce uma das p

O que é marketing de massas?

O que é marketing de massas? marketing one-to-one? marketing segmentado? marketing concentrado? Marketing de massas  Consiste em ignorar as diferenças existentes entre os consumidores, direccionando a acção para o conceito de consumidor médio, procurando uma política indiferenciada. Consiste em oferecer o mesmo produto, ao mesmo preço, com a mesma promessa e nos mesmos locais a todos os consumidores. Marketing one-to-one Toma em consideração as particularidades de cada indivíduo que compõe o mercado, direccionando a sua acção para uma actuação por medida. Marketing segmentado Consiste em dividir o mercado num número reduzido de subconjuntos, denominados segmentos, devendo cada segmento ser suficientemente homogéneo a nível de comportamentos, motivações, necessidades, etc. Os segmentos devem ser suficientemente diferentes uns dos outros de forma a justificarem a adoção de políticas de marketing distintas. Marketing concentrado Designa as estratégias de segmen

Valor, satisfação e qualidade

Os consumidores tomam as suas decisões de compra, baseadas nas percepções que fazem do valor dos diversos produtos e serviços disponíveis no mercado. Assim, o valor que o cliente dá ao produto ( consumer value ), deve ser entendido como a diferença entre o valor que o cliente ganha por ter e usar o produto e o custo de o obter. Os consumidores não julgam o valor e o custo dos produtos objectivamente, eles actuam de acordo com o valor percebido . A satisfação do consumidor depende da performance percebida do produto, relativamente à entrega de valor relativo face às expectativas do comprador. (consumidores satisfeitos tendem a repetir a compra e a dizer aos outros a boa experiência que tiveram com o produto). A satisfação do cliente está intimamente ligada à qualidade. Muitas empresas apostam consequentemente numa gestão total de qualidade, desenhando constantemente melhorias na qualidade dos seus produtos, serviços e processos de marketing. A qualidade começa com a nec