segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Chefias de Vendas - Preocupe-se com os vendedores

Nos dias de hoje, com a dificuldade económica que chega a todos, a uns mais que outros, torna-se uma prioridade o seu comportamento mais pessoal e "menos profissional". Se é um chefe de equipa, supervisor, diretor, gerente ou administrador, saiba que mais que informação comercial, brindes para os seus vendedores darem aos clientes, promoções a clientes, etc. por vezes pode não chegar para aumentar as vendas, porque a dificuldade não está nos produtos e/ou serviços, está na vida pessoal dos seus vendedores, e é sua obrigação ajudar quem tanto ajuda a empresa.

Todos nos temos dias maus e alturas menos boas, é função das chefias estar atento e ajudar como puder.

Por exemplo, se tem um colaborador que anda preocupado e desanimado, porque não sabe como pagar as despesas de educação dos filhos, irá custar muito à empresa, adiantar a verba necessária e o colaborador ir descontando do seu vencimento? Não, e irá estar a colmatar uma necessidade do colaborador ao mesmo tempo que lhe aumenta a auto-estima e acredite a proporcionar um maior "amor à camisola" por parte do seu colaborador.

Nos tempos que correm cada vez mais é necessário humanizar a empresa e por vezes a melhor prática de motivação vem de coisas simples como por exemplo, se os filhos de um colaborador acabam a escola a meio da tarde e as crianças tem de estar horas à espera, proporcionar a possibilidade do colaborador se deslocar à escola a meio da tarde e ir levar os filhos para a sua casa, ou casa de familiares, etc, ficando o colaborador depois até mais tarde para compensar esse tempo, ou trabalhando aos Sábados, entre outros exemplos.

As politicas de motivação institucionalizadas em muitas empresas (quando existe alguma politica), são por vezes desenquadras das reais.

Se você não se preocupa com os colaboradores porque razão eles se vão preocupar? Muitos respondem, eu pago é para trabalharem, claro que assim terão um exército de robôs humanos a trabalhar.

Comprometa-se, para receber comprometimento.

"Na vida, uns vivem melhor, outros pior, mas no fim acabamos todos lado a lado e com a mesma cama e roupa, não queira ser a pessoa mais rica do cemitério." Qual irá ser o seu legado?  Foi um bom pai ou mãe? Foi defensor de causas sociais? Foi um excelente "chefe"? Foi um visionário? Ou, foi um (não posso escrever o conteúdo aplicável)...

Preocupe-se com que o ajuda a ser, ou ter, o que tem.