quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Crise nas empresas - As fontes internas

As fontes sáo os meios através dos quais a empresa pode ter conhecimento, de forma concreta ou não, de que está em situação de crise ou que há risco de esta ser desencadeada.

Devem estar estruturadas de forma a efectuar a recolha e a transmissão da informação aos responsáveis da empresa capazes de definir a gravidade e intensidade da crise e de mobilizar os recursos para a sua resolução da crise real ou potencial.

Atendimento a clientes
Sendo directamente a este serviço (se existir) que os consumidores fazem as reclamações, as criticas e informam a empresa sobre alguma falha dos seus produtos, este tem grande capacidade de detectar problemas e, portanto, alertar para uma potencial situação de crise.
Torna-se, assim, preciso formar os elementos do serviço a clientes para que estes identifiquem as informações importantes e delicadas e as transmitam ao director da área, que deverá fazer parte do Gabinete de Crise da empresa.

Marketing & vendas
A partir deste departamento podem ser detectadas possíveis crises com a antecedência suficiente para tomar medidas e evitar que elas ocorram. É o caso de algumas reclamações de clientes, a partir das quais podemos obter informações valiosas que nos permitem evitar ou minimizar o impacto da crise.

Investigação e Desenvolvimento
Constitui uma fonte de informação fundamental em situações de crise, por exemplo, nas empresas farmacêuticas, relativamente aos problemas com doentes em ensaios clinicos e à experimentação animal.

Assessoria jurídica
Fonte de informação para os aspectos legais e, em determinadas situações, fundamental para evitar ou minimizar situações de crise.

Colaboradores em geral
A empresa deve considerar todas as informações, sugestões, avisos ou comentários dos seus colaboradores. Eles podem detectar ou dar indicações de uma crise iminente, antes que ela surja.

Fábrica
A área da produção pode, por vezes, detectar irregularidades oi indicios reveladoras de situações indutoras de crise.

Notas finais
Crise é toda a situação que pode atrair a atenção dos meios de comunicação social, das autoridades e do público em geral, e que implica um perigo potencial para a imagem e prestígio da empresa ou de algum dos seus produtos.

As empresas podem ser afectadas por crises que ameacem abalar os negócios gerais, diminuir as vendas, criar problemas com o governo, desmotivar os colaboradores, obrigar a pagamento de indemnizações, enfim, prejudicá-las de diversos modos. Isto terá reflexo na percepção que os vários públicos-alvo têm da empresa e, consequentemente, abalará a sua reputação e credibilidade.

in gestão de crise

0 comentários: