sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Os novos desafios do marketing.

Os novos desafios do marketing. O futuro das marcas. Da razão à emoção do cliente.

O IPAM (Instituto Português de Administração e Marketing) de Aveiro viveu, ontem, um dos grandes momentos dos seus 26 anos de existência, com a conferência de Philip Kotler, o “guru” mundial do marketing, cuja lotação estava esgotada há semanas.

Perante uma assistência composta por cerca de 700 profissionais do sector e, sobretudo, estudantes do Ensino Superior, Kotler começou precisamente a sua intervenção por sublinhar a presença da juventude no evento. “É bom ver o futuro nesta plateia; jovens a quem já tirei tantas horas de sono”, brincava.

Os novos desafios do marketing foi o tema de fundo desta conferência, em que o especialista aproveitou, sempre num registo animado, para dar o segredo de como se tornar bem sucedido: “Levantar cedo, trabalhar o dia todo e encontrar petróleo”.

Kotler, para quem o marketing serve para “separar as pessoas do seu dinheiro”, fez uma abordagem macro do que se está a passar no mundo. Na sua óptica, “70 por cento das empresas fazem algum dinheiro, mas não estão na sua melhor performance”, referindo-se ao seu desconhecimento no que toca ao uso desta útil ferramenta empresarial. “Têm menos dinheiro canalizado para esta área e, além disso, muitas vezes, não sabem para que serve”, afirma, sustentando que “não conseguem perceber como é que milhões de euros gastos numa campanha publicitária reverterão em lucro”. 

“É preciso ir mais ao fundo da consciência do consumidor”
De acordo com o académico, todas as empresas deveriam ter, não um, mas dois departamentos dedicados ao marketing. Isto porque, como explica, “como está tão preocupada em vender o produto, esquece-se de como é que o consumidor o quererá no futuro”.

Acérrimo defensor do conceito de consumidor não racional, mas emocional, Kotler justifica: “Porque é que toda a gente quer comprar um computador IBM, que é mais caro e não é melhor do que outros?; Ou porque é que querem ter um Mercedes? Claro que vão responder: ‘Porque é mais seguro’, mas, na realidade, sabemos que querem, de facto, impressionar”. Por isso, o especialista defende a necessidade de “ir mais ao fundo da consciência” do consumidor, na medida em que não é verdadeiro nos motivos que apresenta para justificar a escolha de um produto em detrimento de outro.

Há mais de meio século que Philip Kotler vem liderando o pensamento de marketing, um pouco por todo o mundo. Já vendeu mais de cinco milhões de livros, em mais de 60 países. 

in: diário de aveiro

2 comentários:

Por gentileza, vc poderia me enviar o manual de como fazer etiquetas em excel? eu achei o post depois o perdi, por isso estou pedindo aqui, desculpe. Meu email: mmtpsica@hotmail.com. Muito obrigada! Marília

I like looking through a post that can make people think.

Also, thanks for allowing me to comment!
Feel free to visit my web-site ; instagram followers