quarta-feira, 16 de julho de 2008

Endomarketing - Parte Final



O processo deve ser feito em etapas, e a cada etapa, o programa deve ser reavaliado para então continuar na etapa seguinte. Alguns programas de primeira etapa poderão ser consolidados na etapa seguinte, mas devem estar em andamento.


Lembre-se que, após a implantação da base de valores e consolidação do processo de endomarketing, todos os programas de melhorias operacionais ficarão mais fáceis de implementar, porque os empregados já irão estar mais comprometidos com os resultados da empresa; e nessa etapa começam a aparecer os resultados concretos e visíveis pela direcção. Os custos de “fabricação” tendem a cair, pois cada empregado estará comprometido em promover melhorias operacionais, que irão gerar redução de custos, e, cada redução no custo de produção pode gerar mais lucros para a empresa.


As empresas deveriam conhecer mais o processo de endomarketing e suas etapas de implementação, para depois, implementarem programas de qualidade e melhorias operacionais. O desconhecimento das etapas de implementação pode fazer todo o processo fracassar, e a empresa perder a credibilidade junto aos seus colaboradores. Um acompanhamento de todo o processo por um grupo de colaboradores das diversas áreas da empresa proporcionará um conhecimento profundo das reais necessidades dessas áreas e ajudará a traçar o planeamento e gestão do processo de Endomarketing.


Quando o marketing interno é bem feito, o marketing externo será muito mais abrangente. Basta perceber o que os empregados dizem das empresas que são consideradas como as melhores empresas para se trabalhar. Se cada empregado for multiplicador da boa imagem da empresa, os produtos fabricados por ela também serão bem aceitos pelos seus clientes e vice-versa, claro.


Você já implementou um processo destes?

Na empresa onde trabalha, estão implementados alguns destes processos?


Participe, deixando o seu comentário.



2 comentários:

A empresa onde trabalho a unica técnica existente é a da desmotivação. Passamos de bestas a bestiais e vice-versa, num único dia.

Trabalho mais 2 ou 3 horas para acabar um projecto, se algum dia me atraso 10 minutos, já começo a sofrer represálias. Mas pronto, tem a faca e o queijo na mão, se existissem mais oportunidades, já pensavam mais.

Concordo com o Rui, é o que mais existe em Portugal.